Noções básicas de eCommerce

Vendas na Internet: entendendo o básico

Recentemente falei um pouco sobre como monetizar seu site no uCoz usando propagandas. Seguindo o tema "como usar seu site para ganhar dinheiro", falarei um pouco sobre algumas formas de E-commerce e como dar os primeiros passos com elas.

Importante:

Este artigo não trata das nuances legais e contábeis do desenvolvimento de um negócio online. Se você tem dúvidas sobre esse assunto, não hesite em entrar em contato com um advogado ou contador de sua confiança.


Vamos lá:

Lojas online

A primeira coisa que todos pensam quando ouvem o termo "loja virtual" são sites onde você entra, escolhe seu produto, paga e recebe pelo correio. O termo no entanto é frequentemente usado em contextos errados, inapropriados ou limitados; lojas virtuais podem ser muito mais que isso! Para maior clareza usarei daqui em diante o termo "E-commerce", mais abrangente e apropriado a todos os diferentes tipos de negócios na Internet que tratarei aqui.

Os sites de E-commerce podem negociar com uma infinidade de produtos diferentes, e podem ser especialmente atraentes em determinados casos. Pequenos produtores por exemplo, muitas vezes conduzindo negócios informais podem se beneficiar muito das facilidades de venda sem barreiras geográficas que a internet oferece, oferecendo produtos como artesanato, bolos personalizados, acessórios de moda manufaturados e uma infinidade de outros.

E não apenas fabricantes estão ganhando dinheiro dessa forma: há inúmeros comerciantes de todos os portes conduzindo sites de E-commerce também para revenda de produtos (Roupas, eletrônicos, brinquedos, ítens de coleção, etc) ou produtos digitais (Apostilas, vídeos, material didático, textos técnicos, músicas, acesso a sites fechados, etc). As possibilidades são virtualmente infinitas.

O exemplo mais comum que costumo citar aqui no uCoz de "venda de produtos virtuais" é a nossa própria loja de templates: www.ucoztemplates.com. Ela é totalmente construída usando o nosso próprio sitema e vende produtos virtuais e serviços para o mundo todo.

Com o módulo Loja Virtual do uCoz, configurar seu site de E-commerce fica muito mais fácil e rápido, tanto para a venda de produtos físicos quanto de produtos virtuais ou digitais; em poucos cliques o site está completamente funcional e pronto para começar a dar lucro. Toda a logística de gerenciamento de produtos em estoque, processamento de pedidos e de pagamentos foi pensada e implementada de forma a tornar esses trâmites ágeis e eficientes para quem administra a loja.

Venda de Serviços

Mercadorias não são as únicas coisas que podem ser vendidas pela Internet. Prestadores de serviços de todos os tipos tem se beneficiado das vantagens de usar a grande rede como veículo de negócios. Se você presta serviços que exigem a sua presença no local (cuidados pessoais, manutenção doméstica, estética, terapêuticos, etc), seu site pode ser um canal de divulgação, vendas e agendamentos como nenhum outro.

Se por outro lado você presta serviços que não exigem a sua presença, como traduções, consultorias, desenvolvimento de programas de computador, design gráfico ou similares, suas possibilidades são ainda maiores! É possível fechar negócios com clientes de todo o mundo sem sair de sua casa, e trabalhar nos horários que você achar mais convenientes. O módulo Loja Virtual também pode ser usado para venda de serviços. É o que fazemos na loja de códigos de recarga, por exemplo, também criada usando o módulo.

No caso de serviços, vale a pena verificar se o custo mensal será vantajoso, afinal, lidar com o pagamento é apensa uma fração do tempo que você irá gastar prestando o serviço para o cliente.

Mais dicas

Tanto na venda de produtos quanto de serviços há algumas providências que você pode tomar em relação ao seu site para melhorar sua visibilidade e aumentar suas chances de vendas:

Venda de Anúncios

Uma das principais mudanças trazidas pela Internet nos hábitos das pessoas foi a forma como se buscam produtos e serviços. Catálogos telefônicos, anúncios em jornais ou mesmo na televisão estão sendo gradativamente substituídos por anúncios na Internet, geralmente mais baratos, com mais alcance e que representam hoje a primeira opção de local em que os consumidores procuram. Páginas de anúncios regionais ou dentro de um determinado segmento são cada vez mais frequentes, e tem se mostrado um mercado muito aquecido.

Voltarei no assunto "anúncios" no futuro, por hoje é só. Comentários e sugestões são sempre bem vindos!

2 comentários
avatar
0
1 Comentário de Ennio 15.12.2014, 18:25
Muito boa as dicas  smile
avatar
2 Comentário de Alan 16.02.2015, 20:37
Dicas super importantes!
Faça um comentário